Sete pacientes retornam para casa, após internamento no Pronto Atendimento Coronavírus de Barreiras






A volta ao convívio familiar, após tratamento médico, é um dos maiores alívios para os pacientes atingidos pela Covid-19. No sábado, 08, sete pacientes, que estavam internados no Pronto Atendimento Coronavírus de Barreiras, comemoraram a alta hospitalar e passam o Dia dos Pais em ambiente familiar, resguardando os devidos cuidados com a pandemia.

Foram liberados: Francisco da Rocha Alves, de 50 anos, Cleivisson Souza de Jesus, de 38 anos, Edivane Souza Menezes, de 43 anos, Agenor Queiroz de Aguiar, de 52 anos, e Elino Ferreira de Souza, de 63 anos, mais um paciente, de 61 anos, além de uma paciente, de 91 anos, que veio do município de Santa Rita de Cássia.

Segundo o secretário de saúde Anderson Vian, o tratamento médico para Covid-19 gera o isolamento do paciente que precisa na maioria das vezes do distanciamento rigoroso do seus próprios familiares e isso mexe com o emocional não só do paciente, mas da sua família também.

“Sempre fazemos a ponte para que a família e o paciente sintam-se confortáveis, mas sempre que ele recebe alta curado ou para término dos cuidados em casa, sabemos que o equilíbrio emocional melhora muito e esse é um fator muito importante para o fortalecimento do indivíduo durante este período de pandemia. Graças a Deus, temos comemorado cada vez mais altas, o que é motivo de grande alegria, especialmente para nossos profissionais de saúde que se dedicam continuamente a salvar vidas”, destacou o secretário de Saúde.

Para se prevenir do contágio, a população deve seguir todas as indicações recomendadas pelos Decretos Municipais, Estaduais e Ministério da Saúde, como respeitar o distanciamento social, usar a máscara, higienizar as mãos com álcool em gel ou água e sabão, evitar pontos de aglomeração e sair de casa o mínimo possível.

Nenhum comentário

Deixe aqui seu comentário.

Observação: Você é responsável pelo seu comentário.


Compartilhe o Blog: Paulodesouza.digital