Avenida Cleriston Andrade, ao lado da rotatória da câmara municipal - BARRERIAS - BAHIA.


Ex-promotora de Barreiras é afastada do cargo no CNMP na Operação Faroeste


Foto: Bahia Noticias



A ex-chefe do Ministério Público da Bahia (MP-BA) e indicada para ser conselheira do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP), Ediene Lousado, foi afastada das funções como promotora de Justiça na manhã desta segunda-feira (14).

A medida é parte da Operação Faroeste, deflagrada pela Polícia Federal (PF) contra desembargadores, advogados e outras autoridades (saiba mais aqui e aqui). Conforme apurado pelo Bahia Notícias, ela deverá se manter afastada de suas funções no MP-BA por 180 dias.

Ediene foi indicada para ocupar a cadeira dos Ministérios Públicos Estaduais no CNMP, porém ainda não foi aprovada pelo plenário do Senado para ocupar a vaga. A ex-procuradora geral de Justiça do MP-BA foi aprovada apenas na sabatina da Comissão de Constituição e Justiça do Senado e aguarda desde março a apreciação do nome pelos senadores no plenário.

A ex-procuradora geral de Justiça do MP-BA foi aprovada apenas na sabatina da Comissão de Constituição e Justiça do Senado e aguarda desde março a apreciação do nome pelos senadores no plenário.

De acordo com informações, a procuradora-geral de Justiça da Bahia, Norma Cavalcante, contribuirá com a investigação, entregando documentos da gestão de Ediene aos investigadores da operação.

Fonte: MAIS OESTE



Nenhum comentário

Deixe aqui seu comentário.

Observação: Você é responsável pelo seu comentário.


Compartilhe o Blog: Paulodesouza.digital