PARCEIROS

Secretaria de Saúde de Barreiras alerta sobre variante genética do Coronavírus detectada por pesquisadores da UFOB



 

Desde maio de 2020, quando a Prefeitura de Barreiras, através da Secretaria de Saúde e outros parceiros, firmou parceria com a Universidade Federal do Oeste da Bahia (UFOB), por meio do Laboratório de Agentes Infecciosos e Vetores (LAIVE), o diagnóstico e monitoramento da doença Covid-19 causada pelo novo coronavírus, têm sido feito com qualidade e celeridade, atendendo em Barreiras, de maneira pioneira, toda a macrorregião do Oeste da Bahia.



Na última segunda-feira (8), O Laboratório de Agentes Infecciosos e Vetores da UFOB, coordenado pelo Prof. Dr. Jaime Henrique Amorim, alcançou a marca de dez mil exames realizados. Na oportunidade, foi apresentada uma pesquisa identificando novas variantes genéticas do agente causador da Covid-19, na região.



A pesquisa informa que após a identificação de quatro amostras contendo a variante P2 (B.1.1.28.2) do SARS-CoV-2, nas cidades de Santa Rita de Cássia, Barreiras e Angical, detectadas nos meses de dezembro de 2020 e janeiro de 2021, a equipe técnica da LAIVE decidiu analisar 20 amostras coletadas no mês de fevereiro em Barreiras, onde foi verificado que 19 amostras contêm vírus da linhagem P2 e uma amostra contém vírus da linhagem P1 identificada em Manaus, Amazonas.

Conforme interpretação da equipe técnica, a variante P2 tem ampla distribuição na região Oeste da Bahia, com transmissão comunitária em curso. Essas variantes têm a capacidade de serem transmitidas com mais velocidade, o que pode ocasionar crescente número de pessoas infectadas. Dessa forma, a Secretaria de Saúde de Barreiras alerta à população sobre os cuidados para evitar a proliferação do vírus. O uso da máscara continua sendo obrigatório, é necessário realizar a higienização das mãos e manter o distanciamento social.

“Infelizmente estamos passando por um dos momentos mais complicados da pandemia, a população precisa entender a dimensão disso e as consequências que essas novas variantes detectadas em nossa região podem provocar. A Prefeitura de Barreiras intensificou desde a semana passada medidas para conter a disseminação dessa doença com a sanitização das Unidades de Saúde e espaços públicos, porém a população precisa participar desse esforço, evitando qualquer tipo de aglomeração. Estamos empenhados na vacinação, na medida em que as doses do imunizante chegam ao nosso município seguimos com as  recomendações do Ministério da Saúde e as diretrizes do Plano Municipal de Imunização”, destacou o secretário de saúde Melchisedec Neves.




FONTE - Ascom - Barreiras

Blog do Paulo de Souza

Nenhum comentário

Deixe aqui seu comentário.

Observação: Você é responsável pelo seu comentário.


Compartilhe o Blog: Paulodesouza.digital