PARCEIROS

Varias pessoas são levadas para a delegacia durante festa clandestina em Luis Eduardo Magalhães-BA




Trinta e quatro pessoas foram detidas após uma ação da polícia que encerrou uma festa na cidade de Luís Eduardo Magalhães, no oeste da Bahia. 

O caso ocorreu após uma denúncia de moradores, que informaram sobre a aglomeração irregular que acontecia na Rua S1, no Parque São José.



Segundo a Secretaria da Segurança Pública (SSP), o comandante da 85ª CIPM, que foi acionada para a ocorrência, disse que o imóvel vem sendo alugado para a promoção de eventos irregulares e organizador era um homem com passagem por tráfico de drogas.


Dentre os detidos, estão homens, mulheres e algumas pessoas menores de idade. Todo o grupo foi encaminhado ao Distrito Integrado de Segurança Pública (Disep), onde foi registrada a ocorrência. O proprietário do imóvel não foi encontrado.


Em maio, o governador Rui Costa disse que havia pedido ao comando da PM que, ao receber denúncias e encontrar festas clandestinas, não somente encerrasse o evento, mas levasse detidas as pessoas presentes na aglomeração.


“Eu tenho solicitado do comandante da PM, Paulo Coutinho, o máximo de rigor e a condução dessas pessoas para a delegacia. Que seja aberto inquérito criminal, de crime previsto em lei federal, contra a saúde pública”, disse o governador à época do anúncio.





De acordo com o boletim divulgado no sábado (12) pela Secretaria da Saúde (Sesab), a Bahia havia registrado 1.057.177 casos de Covid-19, desde o início da pandemia. 

Desses, 13.851 pessoas estão com o vírus ativo. No estado, 49.800 profissionais da saúde tiveram diagnostico positivo para a doença.

O mesmo documento aponta uma ocupação de 75% dos leitos para tratamento de pacientes com a Covid-19 em todo o estado, além de uma ocupação de 85% nos leitos de UTI.

Fonte  portallapa 
Blog do Paulo de Souza. 

Nenhum comentário

Deixe aqui seu comentário.

Observação: Você é responsável pelo seu comentário.


Compartilhe o Blog: Paulodesouza.digital