PARCEIROS


Ministério da Saúde volta a recomendar vacinação de adolescentes Aplicação será do imunizante da Pfizer



O Ministério da Saúde voltou a recomendar a vacinação de adolescentes de 12 a 17 anos sem comorbidade. E a vacina recomendada é a da Pfizer. Foi o que explicou ontem (22) o secretário-executivo do ministério, Rodrigo Cruz.

É que essa recomendação tinha sido suspensa na semana passada porque o ministério ia apurar se a morte de uma jovem de 16 anos em São Bernardo do Campo estava relacionada à vacina, mas o comitê técnico criado para isso avaliou que não, a morte não tem relação com a vacina. Aliás, o secretário executivo reforçou que o imunizante é seguro.

Então, para esses jovens de 12 a 17 anos, a prioridade continua sendo para adolescentes considerados mais vulneráveis, aqueles com alguma comorbidade. Outra prioridade é a redução do prazo das duas doses. O secretário executivo do ministério reforçou isso na coletiva. É a antecipação da segunda dose. Aliás, o que já está ocorrendo em várias localidades.

Edição: Renata Batista
Publicado em 23/09/2021 - 10:26 Por Priscilla Mazenotti - Repórter da Rádio Nacional - Brasília