Em sua segunda edição, Feirarte oferece cultura, entretenimento e oportunidades de geração de renda para os artesãos de Barreiras



















 

Um espaço que abrange arte, artesanato e gastronomia embalada por uma boa música dos artistas locais, foi assim a primeira noite da 2° edição da Feira de Artesanato, Arte e Cultura - Feirarte, promovida pela Prefeitura de Barreiras, por meio da Secretaria de Educação, Cultura, Esporte e Lazer, através da Diretoria de Cultura.

O evento que aconteceu na Praça Padre Armindo, do Santuário Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, reuniu famílias que foram em busca de lazer, de uma boa gastronomia e teve aqueles que já foram garantir o presente do Dia das Mães na ala do artesanato. 


“A qualidade dos produtos é excelente, admiro o trabalho realizado pelas artesãs e estou aproveitando para garantir o presente da minha mãe”, disse Thainara Sampaio, que visitou a feira pela primeira vez.

Com o objetivo de valorizar o artesanato no município, além de proporcionar maior visibilidade aos produtos e gerar renda, 44 artesãos e 14 profissionais da gastronomia estão presentes na Feirarte, oportunidade que a artesã Éfrem Beatriz, que trabalha com a técnica macramê, diz não perder mais. 

A Feirarte só veio para somar; nós que somos artesãs sentíamos falta de ações voltadas para o nosso nicho, com um ambiente específico para expor as nossas peças, e que as pessoas pudessem visitar e conhecer o nosso trabalho. 

Essa exposição na feira mudou totalmente o nosso ambiente, eu que trabalhava mais online, agora estou tendo a oportunidade de aumentar a minha rede de clientes, porque ter esse contato é muito importante, e consequentemente a renda. 

Atualmente eu trabalho com a técnica macramê, que é semelhante ao crochê, porém, sem a utilização de agulha, apenas com nós, é uma técnica antiga, mas que vem ganhando muito espaço na atualidade”, pontuou a artesã.

A cantora Dani a Patroa animou o público presente, momento incluso na contrapartida da aplicação dos recursos da Lei Aldir Blanc, destinados aos fazedores de cultura que foram prejudicados com a pandemia da Covid-19 e uma apresentação de balé clássico com a bailarina Bianca, do Ballet Mar e Ar. A diretora de Cultura, Emília Moreno, fez um balanço dessa primeira noite.

“Estamos recebendo um feedback muito positivo dos nossos artistas e expositores. A palavra da noite é gratidão a todos que estão se empenhando para fazer a Feirarte acontecer nesse formato. 

Estamos maravilhados com o nível dos produtos que estão sendo expostos, cada dia nossos artesãos se dedicam mais, e isso nos deixa muito felizes e honrados, de poder proporcionar esse momento de interação e geração de renda”, pontuou.


Nesta sexta-feira (29) acontece a segunda noite da Feirarte, com a apresentação da Banda Milho Cru e apresentação da junina Encanto do Oeste.

Dircom/PMB 29.04.2022.

Blog do Paulo de Souza

--


ANUNCIE AQUI