Paulo Guedes sugere transformar praias em ativos e vendê-las por US$ 1 bi

Guedes em evento da Fiesb | Foto: Bruno Leite / BN
 

O ministro da Economia, Paulo Guedes, participou do Flow Podcast nesta terça-feira (27) e lamentou que o governo não possa vender praias brasileiras pela bagatela de US$ 1 bilhão. De acordo com ele, que é um entusiasta desse tipo de negociação, esta situação é um exemplo de "má gestão".

"O caso do Brasil é um caso clássico de má gestão. Tem trilhões de artigos mal usadas. Por exemplo, tem um grupo de fora que quer comprar uma praia numa região importante do Brasil e quer pagar US$ 1 bilhão. Aí você chega lá e pergunta: vem cá, vamos fazer um leilão dessa praia? Não, não pode, isso é da Marinha. E quanto a gente recebe por isso? Não, a gente pinta lá o quartel deles uma vez por ano. É muito mal gerido o troço. Não é de ninguém, quando é do governo não é de ninguém", disse o ministro.

Ao longo do programa, Paulo Guedes também fez críticas à esquerda e defendeu o governo Jair Bolsonaro (PL).


As informações são do Correio Braziliense.

ANUNCIE AQUI