Polícia Rodoviária Federal apreende três veículos com caracteres adulterados na BR 242




No último final de semana, policiais rodoviários federais apreenderam três veículos adulterados durante fiscalização em trechos da BR 242, na Região Oeste da Bahia.
A primeira ocorrência ocorreu na manhã de sexta-feira (15), em Ibotirama, após uma equipe da Polícia Rodoviária Federal flagrar um motociclista de uma Honda/Cg 160 Start, realizando manobras perigosas.

Ao avistar a viatura da PRF, o condutor da moto evadiu-se do local e seguiu em direção ao perímetro urbano da cidade. Após alguns minutos de acompanhamento a motocicleta foi localizada parada em via pública. O veículo estava sem os retrovisores e também os caracteres da placa estavam inelegíveis.

Foi feita uma vistoria na motocicleta e constatado que os caracteres do motor e chassi foram adulterados, para tentar encobertar a origem ilícita do veículo, já que a moto original possuía ocorrência de roubo, registrada em setembro/2021, na cidade de São Paulo (SP).

O motociclista, um homem de 20 anos, informou a equipe que comprou a moto em outubro de 2021 e pagou R$ 8 mil. Disse também que a negociação foi realizada através de um anúncio na plataforma digital da internet. Ele foi encaminhado para a Polícia Judiciária.

Também em Ibotirama, na sexta-feira, por volta das 17h30, os policiais visualizaram o condutor de uma motocicleta, de cor vermelha, realizando manobras arriscadas na via.

Em seguida, a moto foi abordada e o condutor não apresentou a documentação do veículo. Após verificação na Honda/Cg 150 Titan e consulta ao sistema de dados, os policiais descobriram que a moto estava ‘clonada’, inclusive, a placa foi trocada para tentar dificultar fiscalizações da polícia. O veículo original possuía ‘queixa’ de crime registrada em outubro/2013, em Brasília (DF).

Questionado, o motorista relatou que comprou a motocicleta por 3.500 reais e que a negociação foi realizada através de uma rede social.

Ele foi detido e encaminhado para a Delegacia de Polícia pelo crime do art. 180 do Código Penal.

Já no sábado (16), em Barreiras, por volta das 17h00, compareceu no posto da PRF, o condutor de uma Toyota/Hilux. Ele informou a equipe que havia comprado a caminhonete e solicitou que fosse feita uma vistoria no veículo, a fim de detectar possíveis irregularidades.

Após a identificação veicular, os policiais constataram se tratar na realidade de uma Hilux roubada, conforme uma ‘queixa’ de crime registrada em junho/2021, na cidade de Palmas, no Tocantins.

A ocorrência foi encaminhada para a Delegacia de Polícia Judiciária para os procedimentos legais.

Fonte: PRF.
Blog do Paulo de Souza

ANUNCIE AQUI